Seok Joung

Restaurante Coreano


Deixe um comentário

Os Sabores do Mundo

Os sabores do mundo
Temperos e aromas de outros países, pertinho de casa
ACESSÓRIOS para um jantar temático BLOGS para se informar ESPECIARIAS de outras praças LIVROS para preparar os pratos sozinha

edição Ana Holanda

Almoço coreano

Só de pensar na lenda, começo a suar frio: comida muita apimentada e fermentada. Kimchi, uma conserva de vegetais que está em todos os rankings de alimentos mais fe

didos do mundo. Muitas pequenas porções, para dividir com uma mesa cheia de gente conhecida. Sim, na última hora, apareceram bons amigos para compartilhar a empreitada. Chegamos ao restaurante: Seok Joung, no Bom Retiro, em São Paulo.

O bairro, que já foi referência para as colônias judaica e grega, hoje abriga imigrantes coreanos. Nas ruas, muitas placas em ideogramas, indecifráveis para meus olhos ocidentais. Felizmente, o menu tem tradução. Infelizmente, ela não ajuda muito, porque não dá para entender se os pratos são cozidos, assados e que ingredientes exatamente levam. Com exceção da minha mesa, todos os outros clientes são asiáticos. Usam-se palitinhos como na culinária japonesa, mas é diferente: na etiqueta coreana, são usados para empurrar a comida para a colher e para levar arroz à boca.

Quando chegam os pratos, um alívio: a ardência da pimenta está suave e saborosa e a comida é agradável. Arroz, conservas vegetais, peixe frito, churrasco picado na faca, frutos do mar, molhos agridoces, nomes impronunciáveis. Para beber, água e shochu, a tradicional aguardente de cereais coreana, que a mesa toda brinda em copinhos. Saúde! Ou Chukbae!, para entrar no clima e brindar em coreano.

Verônica Mambrini é jornalista em São Paulo e adora provar pratos diferentes
Anúncios